Terceira Idade: O público cresce e sites precisam se preparar


A população brasileira está mais velha e apresenta um desafio adicional para sites e lojas virtuais: como atingir esse público e suas dificuldades virtuais. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre 2012 e 2021 o número de brasileiros com 60 anos ou mais saltou de 11,3% para 14,7% da população – ou seja,  31,2 milhões de pessoas. 

Os adultos mais velhos estão inspirando mudanças online e constituindo um segmento maior do público para o conteúdo da web. Mas as empresas estão preparadas para garantir acessibilidade na web para a população mais idosa?

“Enquanto a população envelhece, as empresas precisam olhar com atenção ao online. É essencial que as empresas entendam como projetar experiências que ofereçam suporte a esse grupo crescente de usuários da web. A acessibilidade deve tornar a web um ambiente mais fácil para pessoas com restrições geradas pelo avanço da idade, incluindo visão, audição e ações motoras finas, como controlar o mouse” explica  Boby Vendramin, Diretor de Marketing e Mídia LATAM da Purple Lens.

De fato, a idade avançada muitas vezes é acompanhada por múltiplas deficiências que as pessoas podem desenvolver simultaneamente. Por exemplo, perda de visão e perda auditiva podem acontecer juntas, causando frustração e ansiedade, inclusive quando estas pessoas tentam acessar sites e redes sociais.

“Os usuários mais velhos estão migrando para empresas e serviços cujos sites, aplicativos e softwares sejam amigáveis ​​e fáceis de navegar, entender e usar. As pessoas que hoje estão com 40 anos logo estarão nesta faixa etária, portanto as empresas que desejam engajar online nesse segmento de mercado crescente não podem ignorar a acessibilidade na web”.

Cerca de 70% dos mais de 4.400 usuários da web mais velhos envolvidos em um estudo do Google durante a pandemia de COVID-19 declararam que passarão a mesma quantidade ou mais tempo online, mesmo depois de a pandemia ser controlada 

“É de interesse para todas as marcas considerar a acessibilidade na web para usuários mais velhos, especialmente aqueles com serviços e produtos nos quais este público provavelmente confia”

Como os usuários idosos podem consumir conteúdo online sem problema?
A perda de visão é uma das deficiências mais comuns relatadas pelos idosos. Qualquer site que pretenda entregar conteúdo para este público precisa se preocupar em fornecer acessibilidade visual pela compatibilidade com tecnologias assistivas usadas por pessoas com baixa visão:

“O plugin da Purple-Lens possibilita o uso de tecnologia de ampliação de tela para que os tamanhos de texto e botões possam ser adaptados para qualquer pessoa. O sistema também ajuda quem sofre com perda auditiva, outra demanda comum que os criadores de conteúdo precisam considerar”.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email
Print
Verificando...